fbpx

A Verdade do Verdadeiro HermetistaPosted by on


O título está complicado, eu sei, geralmente tento manter os títulos somente em duas palavras, mas precisei ampliar um pouco esse para especificar que não estou falando sobre o Verdadeiro Hermetista ou sobre a Verdade Hermetista, mas sim sobrea a Verdade que o Verdadeiro Hermetista usa.

Ao longo dos anos vocês tem me acompanhado aqui na internet trazendo uma série de informações, questionamentos e até, por que não dizer, arrumando encrenca. Eu faço isso.

Não costumo, entretanto, mentir. Mudar de ideia eu faço com frequência e muitas vezes essa mudança acaba por me levar a caminhos opostos dos que eu trilhava anteriormente e, olhando de longe, pode parecer que estava a mentir, mas na verdade só estava acreditando em outra coisa que, agora, vi que não fazia mais sentido.

Isso é mudar. Antigamente eu acreditava em deus e saia por aí espalhando a palavra, por assim dizer. Hoje, eu vejo que isso não faz mais sentido, então espalho por aí a palavra oposta, mas isso não é uma questão de mentir ou não; é só uma mudança de postura por conta de novos fatos adicionados a história da vida.

Verdade

Entretanto, eu sempre fui fiel aos meus objetivos e aquilo que eu acreditava, como hoje ainda. E uma das coisas as quais sempre fui fiel é a busca constante pela verdade. Sou tão fiel a isso que hoje ainda compreendo que se uma questão tem “a sua verdade” e “a minha verdade”, então ambas as verdades são mentira. Sei, entretanto, que existe a busca pela verdade e a burrice, a ignorância, e tento separar as duas para encontrar a verdade, não uma interpretação dela, ou seja, se você acredita que a Terra é plana, isso não tem a ver com a sua verdade e a minha verdade, isso é simplesmente burrice. Diferente da questão de deus que não temos provas e, por enquanto, podemos acreditar em duas mentiras.

Agora aqui é que chegamos a um problema interessante.

A Teia

Quando nós nos camuflamos constantemente atrás de mentiras, nós formamos uma teia que, hora ou outra, acaba nos isolando assim como uma teia faz com sua aranha criadora. Nós estendemos nossos braços além das capacidades de nosso corpo, mas isso não faz com que tenhamos alcançado muitas coisas, além de dois galhos que não nos trazem nada além de folhas que se secarão e cairão ao solo.

Construir sua vida a base de mentiras trás a solidão e faz isso da pior forma possível: te enchendo de “amigos” que serão tão verdadeiros quanto você.

Não adianta correr, isso tem a ver com o funcionamento do universo, é muito maior que você. Nós só temos aquilo que estamos dispostos a dar e, quando damos interesse, temos somente pessoas interessadas, assim como quando damos amor, temos pessoas que nos amam.

Postura

Veja bem: eu sempre tive uma postura bem firme na internet: eu defendo meus ideais, embora esteja sempre pronto a revê-los. Defender meus ideais, entretanto, não quer dizer que devo ofender meu colega de debate. Eu sempre tive posições que foram consideradas por muitos como “duras”, mas porque eu costumo ir fundo naquilo que defendo, o que me faz ter argumentos o suficiente para rebater a maioria as informações contrárias às que me chegam. A despeito disso, entretanto, eu sempre compreendi que, em um debate, nós debatemos ideias, não pessoas. Isso quer dizer que, quando alguém não concorda comigo e vem até mim para dar esta ou aquela percepção, eu levo o que está sendo falado em conta e me atenho ao assunto, somente ao assunto.

Com o tempo, isso tem se mostrado muito frutífero.

Eu consigo, com isso, ser amigo daqueles que muitas das pessoas do círculo comum considerariam meus inimigos.

E isso é tão divertido que, na maioria dos casos, deixa as pessoas confusas porque isso está muito além da compreensão de seus mundos diminutos.

Amigos e Amigos

Veja a minha questão com o Carlos Gressler, por exemplo; nós somos amigos e debatedores contundentes: temos formas de debate que muitas vezes deixam as pessoas até com vergonha, entretanto, ainda nos mantemos amigos. Basicamente isso acontece porque, ao longo de anos, eu nunca o ofendi. Eu não me atenho a características físicas, sociais, comportamentais DA pessoa do Carlos; eu me atenho aos seus argumentos.

Quando coloquei o vídeo analisando os argumentos do Rodrigo Bonsaver, eu não falei absolutamente nada sobre o Rodrigo; falei sobre suas ideias expostas.

É difícil para a maioria das pessoas compreender essa diferença, mas para mim, pouco importa se a pessoa é obesa, pobre, careca, gay, esquerdista, evangélico, barbudo, arrogante, homem ou mulher; o que importa é a ideia debatida naquele momento e nada do contrário me distrai.

Isso me possibilita a postura de, depois da batalha argumentativa, ainda ser amigo da pessoa.

Não é maravilhoso isso?

Posturas contrárias

É claro que, em ambientes facebookianos, a coisa não acontece assim porque ali é a junção do que podemos expor de pior sem nenhum tipo de punição relevante. No Facebook, você só me bloqueia e pode continuar a falar mal de mim pelas costas, sem que isso te traga algum tipo de ônus. Você sabe que é assim.

Só que o Facebook, Youtube, Twitter, são só ferramentas que não representam a vida real, embora sofram da vida, suas consequências e estão sob o comando das “leis universais” como qualquer outra coisa. Embora aqueles mais limitados de inteligência achem que não, tudo tem consequência, por mais que você não queira ver.

Com o tempo, é bem normal que, pela superficialidade de seus atos, só te reste a superficialidade da massa.

Não vemos canais gigantes se comportando assim? Nando Moura fez carreira desta forma e hoje está… no ostracismo social. Seu canal continua gigante, com milhões de pessoas, mas sua vida está composta, na realidade, por quem?

Olavo de Carvalho também fez sua carreira assim e, embora tenha um monte de abelhas o rodeando, quem realmente pousa e lhe segura a mão para que caminhem juntos?

Poderia citar aqui alguns outros exemplos, mas acredito que você já tenha me entendido. Eu realmente defendo ideias que são contrárias, muitas vezes, ao grosso das pessoas que me seguiriam. Entretanto, a forma como faço isso e, principalmente, a forma como faço isso com verdade, com meus amigos sendo amigos independentemente deles gostarem de Tarot e eu não, deles serem teístas e eu não, deles jogarem runas e eu não, isso porque todos nós, todo esse círculo do qual faço parte hoje, entende que isso são só coisas, eles sabem o que esperar de mim porque não fico me limitando a tentar agradar e esperar ser agradado e, acima de tudo, não tomo postura de deus.

E você? Como está sua verdade hoje?

Inscreva-se para receber as novidades!

* obrigatório

Sobre esse assunto, você pode se aprofundar lendo:

Saiba mais sobre isso assistindo os vídeos abaixo:

hermetismo e...

Causa e Efeitocoronacorona virushermetismoiniciadolei do gênerolei do mentalismolei do penduloleis herméticasmundo magicoprofanorelacionamentovirus

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of
× Como posso te ajudar?